É possível monitorar apenas pela interface do VMS?

Quando não há integração entre o software de monitoramento de alarme e o VMS podem ocorrer falhas na operação.

Em algumas empresas, o monitoramento é realizado pela interface do sistema de monitoramento por vídeo (VMS). Quando não há, no entanto, integração com o software de monitoramento de alarme, pode ocorrer falha na operação porque o operador precisa prestar atenção em mais de uma interface ao mesmo tempo. O Sigma Image Monitoring (SIM), a solução de VMS oferecida pela Segware, é integrada ao sistema Sigma, por isso consegue alertar o operador sempre que um evento de disparo de alarme acontece enquanto ele monitora as imagens das câmeras.

Monitoramento por câmeras, por imagem e por vídeo significam a mesma coisa: um local monitorado por um CFTV (circuito fechado de TV). Usualmente, as empresas de monitoramento eletrônico utilizam alarmes por telefonia, é uma infraestrutura de baixo custo e já consolidada no mercado.

evolução da área de monitoramento, contudo, colocou à disposição das empresas uma variedade maior de tecnologias. É o caso da tecnologia IP e dos painéis GPRS. O uso da internet, em substituição à infraestrutura de telefonia, permitiu um avanço considerável na qualidade de imagens geradas, agora, por câmeras IP.

Essa melhoria de infraestrutura provocou uma reação positiva no mercado, algumas empresas, inclusive, passaram a monitorar exclusivamente pela tela do software VMS (video monitoring system). Para que a experiência de monitoramento seja completa, também no VMS, a solução precisa fornecer algumas adaptações.

Uma funcionalidade importante é a Ronda Virtual que consiste na exibição em sequência dos mosaicos com as imagens das câmeras de seguranças dos locais monitorados.

Confira a seguir as principais características do Sigma Image Monitoring (SIM) e veja como funciona os recursos especiais para o monitoramento via VMS.

Áreas da interface do SIM

SIM oferece a vantagem de ser acessível fora da máquina do servidor, qualquer máquina com o surveillance instalado consegue ter acesso ao sistema.

A interface do software é dividida em três área:

– frame de exibição dos mosaicos com as imagens das câmeras de segurança;
– menu na lateral direita para seleção de mosaicos e câmeras, e para conectar e desconectar (ou alternar) dos servidores de imagem;
– menu no rodapé da tela para marcar as opções de configuração. É neste menu que a Ronda Virtual é configurada.

Tela para configuração da sequência de mosaicos para Ronda Virtual. O usuário define quandos segundos cada mosaico irá aparecer na tela antes de ser exibido o próximo mosaico. É possível atribuir tempos diferentes, dando mais ênfase para um cliente final específico, por exemplo.

Como o alerta de disparo de alarme aparece na interface do SIM?

O operador deve habilitar esta funcionalidade no SIM em dois locais: nas configurações gerais do sistema e na CUC do evento desejado. Além disso, é necessário configurar um evento global no servidor VMS.

Com isso, ao receber um evento, o SIM irá gerar um alerta automaticamente, exibindo as imagens relacionadas ao evento.

Por trás da interface do SIM, a tecnologia Digifort

Sigma Image Monitoring (SIM) é uma versão exclusiva da solução VMS da empresa Digifort. Uma solução amplamente testada no mercado internacional, estável e validada por grandes empresas da área de segurança eletrônica.

A parceria com a Segware conseguiu proporcionar ao cliente uma nova forma de contratação do software, com a Segware o cliente assina mensalmente o sistema, não é necessário adquirir uma licença e realizar pagamentos extras por futuras atualizações.

O SIM tem a vantagem de estar integrado ao Sigma, o que promove a celeridade no tratamento de eventos de alarme e diminui a frustração com recadastros redundantes. Além disso, a Segware coloca como prioridade atualizações do Sigma para trabalhar em acordo com as atualizações lançadas pela Digifort. Assim, a integração permanece estável e em constante evolução.

Restou alguma dúvida sobre o assunto ou possui alguma sugestão? Compartilhe conosco abaixo pelos comentários.